Publicado em: terça-feira, 10/03/2015

CQC estreia com Dan Stulbach e internautas pedem retorno de Marcelo Tas

O ator, agora apresentador, Dan Stulbach, estreou esta semana como principal na bancada do programa CQC. A estreia aconteceu na segunda feira, dia 9 de março, na Bandeirantes. Junto dele, seguem os repórteres Marco Luque e Rafael Cortez. Dan é a principal alteração no elenco do programa, substituindo quem antes comandava a bancada, o apresentador Marcelo Tas. Mesmo com as estratégias da produção para que as mudanças não tivessem impactos negativos com o público, o trio de apresentadores não empolgaram muito na internet, mas seus nomes ficaram entre os TT’s do Twitter em decorrência das reclamações.

Além deles, o nome de Marcelo Tas, que até a temporada 2014 era o apresentador principal do programa, também esteve entre os mais citados na noite de ontem no Twitter. Ficou claro que Marcelo Tas deixou saudade entre o público do CQC, depois de ter ficado à frente do programa durante sete anos. Um internauta postou que estava em frente a TV fazendo um panelaço para ver se Dan Stulbach saia do programa e Tas retornava com urgência. Outros comentaram como era sem graça assistir ao Top Five sem a presença do antigo apresentador. CQC estreia com Dan Stulbach e internautas pedem retorno de Marcelo Tas

Também foi comentado nas redes sociais que Dan estaria tentando imitar o ex-CQC, tanto em suas atitudes e até mesmo com uma risada forçada, como se fosse uma cópia do antigo apresentador. Muitos fãs do programa pediram por mais originalidade do apresentador. Essa nova temporada do programa conta novos repórteres e novos quadros. Entre as novidades está Erick Krominski, que realizou uma denúncia sobre fraudes em empresas que fazem revendas de veículos. O repórter Juliano Dip fez uma investigação a respeito das consequência na natureza pela ação de uma mineradora em Minas Gerais.

Lucas Salles e Mauricio Meirelles permanecem no programa e apresentaram um material especial feito no exterior. Chamou a atenção do público o novo quadro Amigo dos Políticos, em que um ator se passou por amigo dos deputados na Câmara em Brasília. Stulbach já havia declarado saber que seria uma batalha lidar com as comparações com Marcelo Tas, mas que ele estava substituindo uma função, cujo antigo ocupando é insubstituível.