Publicado em: terça-feira, 24/04/2012

Corinthians quer recuperar emocional de goleiro

Apontado por muitos como o responsável pela eliminação do Corinthians no Campeonato Paulista no último domingo (22) para a Ponte Preta, o goleiro Júlio César é a principal preocupação da comissão técnica do clube do Parque São Jorge.

O temor é que as cobranças e críticas possam afetar o ‘lado emocional’ do camisa 1 alvinegro, sobretudo antes dos confrontos decisivos contra o Emelec, do Equador, pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América.

O diretor de futebol do Corinthians, Roberto de Andrade, admitiu esta preocupação, e procurou isentar Júlio César da culpa pela eliminação precoce no Paulistão. A mesma atitude já havia sido tomada pelo presidente do clube, Mário Gobbi.

Andrade revelou que o goleiro corintiano acabou ‘sentindo’ a derrota para a Ponte Preta mais do que a maioria dos jogadores da equipe. O dirigente revelou que Júlio César estava cabisbaixo e com o ‘emocional abalado’ após a partida do último domingo.