Publicado em: quarta-feira, 28/03/2012

Copel lucra R$ 1,2 bilhão em 2011, mas fica abaixo da meta esperada

A empresa distribuidora de energia no Paraná teve lucro de R$ 1,2 bilhão em 2011. A Copel (Companhia Paranaense de Energia) teve este lucro sem considerar as subsidiárias como a Elejor, Centrais Eólicas do Paraná, Transmissora Sul Brasileira e a Dominó Holdings. O resultado de 2011 é 25,8% maior que aquele obtido em 2010 pela empresa. Em 2011 a receita líquida chegou a R$ 7,77 bilhões. Isso equivale a 12,7% a mais que 2010. A Lajida terminou o ano em R$ 1,85 bilhão, sendo a margem de 23,4%. Esse percentual foi 11,7% mais alto daquele do ano anterior.

A empresa apresentou dois ramos novos de crescimento. Além de melhorar e ampliar a e geração, transmissão e distribuição de energia, também apresentou investimentos voltados para o crescimento na área das telecomunicações. Esse serviço existe desde 2002 e oferece serviço de comunicação multimídia. Somente em 2011 foram adicionados pela empresa mais de 3.036 km de cabos ópticos nas cidades paranaenses. Atualmente os dados da empresa estimam um total de 14.306 km distribuídos em pelo menos 302 municípios do estado. Em 2011 houve também um salto no número de clientes dos serviços de comunicação, que cresceu 47,1%.

Além de atender as residências, a rede da empresa distribuidora de energia para o estado oferece seus serviços para 1.442 empresas que investem no Paraná. A empresa é também bem avaliada pelos usuários. Uma pesquisa feita em 2011 mostrou que 97% das pessoas que usam os serviços os consideram como satisfeitos com o trabalho feito pela empresa Copel Telecomunicações. A empresa tem uma carreira em vários campos de atividade. Para os próximos anos o objetivo é alcançar os 399 municípios do estado, inclusive colocando a fibra óptica até início de 2013. A empresa prevê, inclusive, investimentos no valor de R$ 83 milhões.