Publicado em: sábado, 02/07/2011

Copa América – Argentina 1 x 1 Bolívia

Anfitriã e uma das favoritas ao título, a Argentina decepcionou em sua estreia na noite desta sexta-feira, 1º de julho, na 43º edição da Copa América. Cabeça de chave do grupo A, a albiceleste teve pela frente a fraca Bolívia pela abertura do torneio, tida como candidata ao último lugar na chave. No entanto, os comandados de Sergio Batista ficaram distantes da esperada vitória e apenas empataram em 1 a 1.

Com Messi, Tevez e cia., a Argentina esperava superar com certa facilidade os rivais da noite. Porém, com metade do jogo transcorrido, ficava nítido que a facilidade não existiria. Um primeiro tempo de marcação e discussão entre os atletas apresentou ao mundo a primeira partida da Copa América 2011. E para o primeiro gol da competição sair, foram necessários paciência e sorte… especialmente para a Bolívia.

Em escanteio cobrado pela esquerda, no início da segunda etapa, o brasileiro filho de boliviana Edivaldo Rojas deu um sutil toque de calcanhar, que passou por entre as pernas do homem do primeiro pau argentino. O goleiro Romero demorou a se recuperar, e, quando alcançou a bola, ela já havia cruzado a linha por milímetros.

O gol abateu os donos da casa e evidenciou um sumido Lionel Messi na intermediária ofensiva dos argentinos. Demorou e Batista substituiu o azarado Lavezzi – responsável por inúmeras jogadas, mas nenhuma conclusão ou passe de sucesso. Em seu lugar, entrou Agüero, que aos 30 minutos acertou um sensacional voleio com uma das pernas fixadas no chão, para empatar a partida e diminuir o vexame argentino.

O próximo compromisso da Argentina será às 21h45 de quarta-feira, em Santa Fé, diante da Colômbia, enquanto a Bolívia encara a Costa Rica em São Salvador de Jujuy, às 19h15 da próxima quinta.