Publicado em: segunda-feira, 19/12/2011

Concurso público da Sabesp é cancelado por desorganização

No final da tarde de ontem (18), a Sabesp cancelou o concurso que deveria preencher 389 vagas e formação de cadastro da empresa. A suspensão da prova foi motivada por evidências de desorganização do exame. A Sabesp informou que a anulação deu-se “em respeito aos candidatos e para preservar a integridade do concurso diante das evidências”.

Em pelo menos duas escolas santistas ocorreram confusões. Mesmo após a confirmação da inscrição, centenas de candidatos informação a comissão organizadora que não estavam com o nome na lista no local da prova. Essa foi a questão que resultou no atraso do exame. Quem não tinha o nome na lista precisou aguardar por uma definição da organização.

“Era para a prova começar às 14 horas, mas às 15h13 nós ainda estávamos aguardando. Nisso, a polícia foi chamada e na minha sala nós nem sabíamos o que estava acontecendo. Foi quando comunicaram que as provas tinham sido violadas e, por isso, estavam cancelando a prova”, contou o candidato José Guilherme Sprocatti. Boatos indicam que violação teria ocorrido na prova para os cargos de nível superior.

De acordo com o sargento Karl Marx, da 5ª Companhia do 6º Batalhão da PM, boletins de ocorrências foram realizado para comprovar que os candidatos estavam presentes no local da prova, na data prevista. A instituição responsável pela elaboração da prova, o Intesp, não quis comentar o caso.