Publicado em: segunda-feira, 05/12/2011

Comunidades cariocas contaram com agendes da campanha 10 minutos Contra da Dengue

Neste domingo, cerca de 9 mil agentes que participaram da campanha 10 Minutos Contra a Dengue realizaram um mutirão em 60 comunidades cariocas para combater os focos de transmissão do mosquito da dengue e ainda prevenir a comunidade. A ação contou com a participação dos jogadores que disputam a Taca das Favelas.

Na comunidade da Rocinha, os agentes realizaram diversas ações em conjunto com a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro para conscientizar os moradores sobre como prevenir a dengue antes que ela se espalha. Para isso, os moradores receberam panfletos, adesivo e também capas para proteger as caixas d’água. aproximadamente 80 agentes de saúde visitam as casas para recolher materiais abandonados, como pneus e garrafas de plástico.

Além da ação dos jogadores, a comunidade também recebeu um trio elétrico comandada pelas contas Preto Gil Nega Gizza. Para entreter os moradores durante a ação, os grupos Batuk DGueto e Disfarce também participaram do mutirão. Para as crianças, foi criado um espaço com jogos educativos que alertavam sobre a necessidade de não acumular agua dentro de casa.

O secretaria de Saúde, Sério Cortês, participou dos dias de atividade e comentou que a campanha criada pela secretaria busca informar a população e ainda estimular a prevenção diária, demonstrando que com poucos minutos durante o dia é possível conferir se a casa não apresenta criadouros do mosquito.