Publicado em: segunda-feira, 26/09/2011

Computador consegue registrar imagens do pensamento enquanto voluntários assistem a filmes

Estudo realizado por pesquisadores da Universidade da Califórnia em Berkley teve seus resultados publicados na última quinta-feira (22) sobre o uso de um computador para registrar imagens dos pensamentos dos voluntários enquanto estes assistiam a filmes. A máquina acompanhava a atividade cerebral dos participantes e conseguia fazer uma reconstrução parcial das imagens formuladas no imaginário dos voluntários. Os resultados mostram a possibilidade de usar a mesma técnica para registrar sonhos e alucinações.

De acordo com o co-autor do estudo, Jack Gallant, a intenção é também usar a tecnologia com vítimas de derrames ou pessoas que tenham alguma dificuldade para se comunicarem. No futuro, o pesquisador acredita que a qualidade das imagens será boa o suficiente para fazer “filmes mentais” com o registro das imagens de cada indivíduo. O primeiro experimento usou como base as imagens capturadas pelo olhos e ainda não há garantia de que conseguirá usar as imagens desenvolvidas pelo cérebro.

A partir disso, uma das preocupações passou a ser com a perspectiva de ter os pensamentos “espionados” com a aplicação da tecnologia. Porém, o pesquisador garante que essa não é uma previsão para o futuro próximo. Os voluntários foram monitorados individualmente e cada um com uma máquina de ressonância magnética.

Os resultados do experimento mostraram somente uma representação das imagens que foram vistas na mente. Então, por exemplo, em um dos filmes com participação do Steve Martin a captura das imagens dos olhos mostrou somente um borrão no lugar da sua figura. O trabalho está disponível na internet e foi publicado na revista “Current Biology”.