Publicado em: quinta-feira, 17/04/2014

Com informações de possíveis greves durante o período de Copa do Mundo Justiça do Trabalho remaneja seus horários para evitar transtornos

Com informações de possíveis greves durante o período de Copa do Mundo Justiça do Trabalho remaneja seus horários para evitar transtornosCom o período de Copa do Mundo se aproximando a Justiça do Trabalho já organiza novos horários e esquema de plantões para que sejam evitados longos períodos de greve sem que estes recursos sejam julgados, as notícias de possíveis greves que estariam para acontecer no período do mundial fizeram com que essa reorganização fosse estruturada para que devido aos dias de jogo o atendimento a esses recursos não fosse prejudicado.

O atendimento para julgar recursos de greves nos dias de hoje ocorre todas as quartas-feiras, com o novo planejamento passa a ser possível que esses recursos sejam analisados nos demais dias da semana e até mesmo durante os finais de semana, isso nos períodos referentes entre os dias 15 de maio e 15 de julho, durante esse tempo haverá uma comissão de dez juízes para que sejam analisados e julgados os recursos que surgirem durante esse período.

Normalmente os juízes tem sua escala de trabalho fixada de segunda à sexta-feira, já durante o período de Copa do Mundo os mesmos trabalharão também aos finais de semana conforme a demanda necessária.

Informações dão conta de que pelo menos 16 categorias de trabalhadores estão planejando iniciar um período de greve durante o mundial, o objetivo é pressionar para melhoria de salário, exigindo que os valores sejam atualizados acima da inflação momentânea, já que algumas dessas categorias serão de extrema importância nessa época do ano, como o caso dos aéroviários e rodoviários.

Com base nessas informações o Juiz Edson Pugliese Ribeiro não será necessário que sejam contratados outros juízes para que esse plantão ocorra sem maiores problemas ou sem que o período de espera dos julgamentos seja extensivo, já que normalmente participam desse processo cerca de 10 juízes, o que torna possível que o trabalho seja realizado de forma direta e efetiva.