Publicado em: quinta-feira, 08/05/2014

Com a greve de ônibus metros e trens do Rio de Janeiro enfrentam movimento intenso nessa quinta-feira

Com a greve de ônibus metros e trens do Rio de Janeiro enfrentam movimento intenso nessa quinta-feiraDevido a paralisação dos motoristas do transporte coletivo no Rio de Janeiro, o movimento dos trens e metrôs que seguiam em direção à zona sul da cidade, aumentou consideravelmente, provocando superlotação dos transportes nesta manhã.

O aumento de pessoas em busca de alternativas para se locomover e chegar aos seus destinos na cidade foi tanto que mesmo durante as paradas previstas nas estações os trens enchiam ainda mais e mesmo assim muitas pessoas não conseguiam acessar os trens e metrôs, tendo de esperar pelo próximo vagão.

Muitas pessoas reclamaram dizendo chegariam aos seus trabalhos atrasadas e que com isso perderiam o dia de trabalho, já que apenas uma parte de seus trajetos seria feita por meio da utilização dos transportes disponíveis.

A greve da categoria pegou muitos usuários de surpresa já que a grande maioria relatou que não viu televisão nem acompanhou o jornal antes de sair de casa para o trabalho, mas muitos estranharam o fato de em pleno horário de pico, o trânsito estar tão calmo, a paralisação dos motoristas está prevista para terminar na noite de hoje, mais especificamente as 0h.

A população que depende do uso de ônibus para chegar aos seus destinos foi prejudicada, já que mesmo nas ruas foi possível observar uma grande quantidade de pessoas tentando encontrar alternativas para que pudessem, em sua grande maioria, chegar aos seus trabalhos.

A paralisação deve terminar hoje então para a população que sofreu nesta quinta-feira fica a esperança de que tudo voltará ao normal amanhã, para os motoristas, que utilizam carro o dia de hoje representou algo que pouco acontece, já que o trânsito estava fluindo bem por toda a cidade, resta saber que amanhã tudo voltará ao normal, inclusive o trânsito caótico próprio dos horários de pico.