Publicado em: segunda-feira, 05/09/2011

Colega de Rodolfo Fernandes, Ali Kamel escreve memorial em homenagem ao jornalista falecido

Memorial escrito por Ali Kamel, colega de redação do Globo, publicado neste domingo (04), lembra as características do amigo e sua personalidade tanto pessoal quanto profissional. Para Kamel, “Brasília foi um marco na trajetória de Rodolfo: ali fez seus amigos da vida inteira, encantou-se pela cobertura política, casou-se com Sandra, com quem viveu 23 anos, e com ela teve dois filhos, o músico Felipe, hoje com 22 anos, e a estudante de jornalismo Letícia, de 21 anos.”

O texto publicado pelo colega de Fernandes teve como objetivo esclarecer algumas dúvidas sobre a doença responsável pela sua morte. Kamel ressalta como Fernandes nunca teve a iniciativa de compartilhar publicamente o seu desconforto, mas, ao mesmo tempo, a divulgação do assunto não se mostra invasiva.

Kamel conta como a redação do Globo foi totalmente adaptada para atender às necessidade de Fernandes, uma vez que a doença já estava avançada e limitava os movimentos musculares. Ainda assim, Kamel lembra que Fernandes sempre agradeceu o fato de ter continuado inteligente e lúcido. Em uma conversa com Kamel, Fernandes teria explicado que “se há alguma vantagem nessa terrível doença é que você vai se acostumando com um possível desfecho. Fique tranquilo, estou bem de cabeça. Até meu humor está intacto”.

No domingo passado (28) foi cremado o corpo do jornalista e diretor de redação do GLOBO, Rodolfo Fernandes, que morreu no sábado (27) do mesmo final de semana em consequência da doença esclerose lateral amiotrófica, de caráter neurodegenerativo, contra a qual ele lutava há dois anos. O jornalista tinha 49 anos e o velório foi realizado no cemitério Memorial do Carmo, no Caju (Zona Norte), localizado na cidade do Rio de Janeiro.