Publicado em: segunda-feira, 24/08/2009

Cirurgias eletivas serão retomadas no RS

A medida preventiva de cancelar as cirurgias eletivas no Rio Grande do Sul, ou seja, aquelas sem urgência, que havia sido tomada no dia 31 de julho, será revogada nos próximos dias.

A decisão tinha sido tomada para aumentar a disponibilidade de leitos de UTI para pacientes com a influenza A H1N1. Com a diminuição dos casos da nova gripe, a Secretaria Estadual de Saúde resolveu retomar esse tipo de cirurgias nos hospitais públicos do estado.

No período de domingo (16) até quinta-feira (20), houve menos de 100 registros de pacientes graves com suspeita de contágio. Esse número representa 10% do pico que foi atingido na última semana de julho.

Apesar da redução, o governo não descarta a possibilidade de um novo pico no número de infectados pelo vírus. Ainda assim, a secretaria reforça que não há necessidade de novas suspensões de aulas.

Foram confirmados 4.865 casos da doença no Rio Grande do Sul, sendo 93 mortes. Outros 147 óbitos são investigados como suspeita da doença.