Publicado em: segunda-feira, 29/10/2012

Cientistas de Londres criam exame barato para detecção de Câncer, HIV e outras doenças

Cientistas de Londres criam exame barato para detecção de Câncer, HIV e outras doençasPesquisadores do Imperial College de Londres divulgaram na revista Nature Nanotechnology a criação de um exame com gasto baixo que pode detectar vírus e câncer.

Este exame está em testes e mostra se uma doença ou um vírus está presente no corpo, até em pequena quantidade. Um elemento que os cientistas desenvolveram faz a alteração da cor quando está em contato com o sangue do paciente.

Se houver uma doença ou vírus presente na corrente sanguínea, o químico se altera a cor para azul. Caso não tenha doenças ou vírus, o líquido se torna vermelho.

Exame detectou HIV e câncer de próstata

Segundo Molly Stevens, do Imperial College, esta forma de detecção deverá ser utilizada quando a quantidade de moléculas-alvo tiverem uma concentração muito baixa e isto pode colaborar com o diagnóstico da doença ou para ter certeza que um tumor foi realmente retirado do corpo da pessoa.

Stevens fala ainda que isto pode colaborar no diagnóstico de pessoas recém-infectadas com o vírus HIV que tem quantidades de vírus muito pequenas para que sejam detectadas nos modelos atuais.

Os primeiros resultados deste exame apontaram presença do vírus de HIV e também do câncer de próstata. Porém, é necessário que sejam feitos mais testes antes que isto possas ser disponibilizado e utilizado.

Conforme apontam os pesquisadores do Imperial College, a expectativa é que este novo exame tenha custo dez vezes inferior aos exames que estão disponíveis e, conforme eles, isto pode tem importância em nações onde opções de exames de HIV e câncer tem um valor muito alto.