Publicado em: quinta-feira, 28/07/2011

Chuvas na Coreia do Norte deixam 32 mortos e 24 feridos

Número de mortos por consequência dos deslizamentos causados pelas chuvas nessa quarta-feira (27), que vem assolando a Coreia do Norte, subiu para 32, enquanto 24 pessoas ficaram feridas. A incidência de chuvas tem acontecido na região central do país e uma “avalanche” de lama invadiu residências dos moradores da região e deixou soterradas 20 casas de um bairro na região sul da capital do país, a cidade de Seul. Ruas do centro da cidade também estão dominadas pela lama.

Deslizamento que deixou vítimas aconteceu em uma represa próxima ao rio Soyang em Chuncheon, a 110 quilômetros da cidade de Seul, soterrou quatro residências e um hotel. Estudantes universitários estavam hospedados no local, sendo que seis pessoas foram resgatadas dos escombros resultantes da destruição dos edifícios atingidos. Por conta desse caso e de outros, foram transferidos cerca de 670 bombeiros e policiais para as zonas mais afetadas para continuarem com as missões de resgate.

Além disso, outras regiões ficaram com 620 mil pessoas desabrigadas e cerca de 66 mil residências sem energia elétrica em diversos pontos da cidade prejudicada pelas chuvas. As avenidas próximas ao rio Han foram interditadas, pois o seu nível subiu de maneira preocupante, o que poderia causar mais inundações nas regiões próximas. O Han é o maior rio da capital do país.