Publicado em: segunda-feira, 26/05/2014

Chuva ocorrida no final de semana não modifica o nível do sistema Cantareira

Chuva ocorrida no final de semana não modifica o nível do sistema CantareiraEmbora tenha chovido muito nesse final de semana em São Paulo, o índice do Sistema Cantareira permanece em queda, da noite desta sexta-feira até a manhã de domingo o nível do sistema teve uma baixa de 01%, o que fez com que o índice total permanecesse em 25.6%.

A SABESP, que é a empresa responsável por fazer as medições e controlar os índices, só faz medições pela manhã, sendo assim os dados da chuva que caiu neste domingo não foram acrescidos, porém a chuva deste domingo foi de menor intensidade próximo das represas, a chuva foi maior na capital, mas isso não interfere no sistema de armazenamento.

Com o nível ficando cada vez mais baixo, a solução tomada, foi de utilizar o volume morto da represa, essa prática teve como principal motivo fazer com que os moradores de grande parte de São Paulo não tenham que sofrer com um racionamento de água, este volume fica abaixo de onde se capta a água.

As represas tiveram uma baixa de 1.6% do nível de água nos dias que antecederam a retirada do volume morto, foi registrada no início do mês, o número de 1.1% de queda e é preocupante porque com o pouco volume de chuvas e com o inverno se aproximando, a utilização do volume morto não poderia ser descartada.

De acordo com informações do Governo do Estado de São Paulo, os moradores são incentivados a utilizar menos água, e utilizar com sabedoria, porque com a colaboração estes moradores receberão um desconto no valor total da conta.

Segundo especialistas, a utilização do volume morto do sistema Cantareira pode não ter sido muito benéfico, isso porque caso o verão do ano que vem não seja tão chuvoso ou até mais seco quanto o desse ano, o sistema não conseguirá repor o nível de armazenamento do volume.

Se o nível das represas prosseguirem em queda, como vem acontecendo, nos próximos meses desse ano, Órgão Federal e Órgão Estadual podem diminuir, dentro da legalidade, a captação de água dessas represas.