Publicado em: terça-feira, 01/11/2011

China vai lançar viagem espacial tripulada em 2012

A China anunciou na última segunda-feira (31) que vai lançar duas missões espaciais em 2012, sendo que uma destas será tripulada para dar início à construção da sua estação espacial. A expectativa é que a estação fique pronta até 2020. A primeira nave, a não-tripulada Shenzhou-8, foi lançada nesta terça-feira (01) e tem objetivo de tentar um acoplamento, também previsto para auxiliar na construção da estação permanente.

A nave foi lançada em um foguete modificado do Centro de Lançamento de Satélites de Jiuquan, no Deserto de Gobi. A previsão é que em dois dias a Shenzou-8 aterrise no módulo experimental Tiangong-1, que foi posto em órbita em 29 de setembro. Todos esses equipamentos fazem parte do plano de construção da estação espacial permanente. Em 2012 serão lançadas as Shenzhou-9 e Shenzhou-10, que também vão se acoplar ao mesmo módulo Tiangong-1. De acordo com a agência estatal de notícias Xinhua, a porta-voz do programa espacial chinês Wu Ping afirmou que pelo menos uma das naves será tripulada.

A tripulação para 2012 já foi escolhida e está recebendo treinamento. A viagem tripulada ao espaço será a quarta vez que a China organiza esse tipo de operação, sendo que as outras três aconteceram em 2003, 2005 e 2008.

De acordo com os dados oficiais da China, até o final de 2011 o país terá lançado 20 foguetes e 25 satélites, número que a coloca em segundo lugar no que diz respeito a lançamentos espaciais. O primeiro lugar é ocupado pelo programa espacial da Rússia.