Publicado em: sexta-feira, 23/03/2012

Chico Anysio morre aos 80 anos em hopital no Rio de Janeiro

O humorista, ator e escritor Chico Anysio morreu na tarde desta sexta-feira (23), aos 80 anos, devido à complicações cardiorrespiratórias Ele estava internado no hospital Samaritano, localizado na zona sul da cidade do Rio de Janeiro, desde o dia 30 de novembro do ano passado. O humorista chegou a receber alta médica no dia 21 de dezembro, contudo precisou retornar à unidade médica já no dia seguinte, pois apresentou uma hemorragia digestiva.

Chico havia sofrido uma piora durante uma sessão de hemodiálise, na última quarta-feira (21), pela qual precisou passar. Já na tarde do dia seguinte, ele precisou passar por um processo de drenagem torácica para remover um “grande hematoma pleural”. O humorista chegou a sofrer uma parada cardíaca, mas foi reanimado pelos médicos. Além disso, ele dependia ainda da ajuda de aparelhos para respirar, já que todas as tentativas de retirar o respirador, que foram feitas durante sua internação, falharam. Nos últimos dois dias, Chico foi visitado por diversos familiares, como os filhos Bruno Mazzeo e André Lucas, além dos sobrinhos Marcos Palmeira e Cininha de Paula e sua mulher Malga di Paula.

Durante todo o anos de 2011, Chico sofreu vários períodos consecutivos de internação.No mês de março, chegou a deixar o Samaritano depois de 110 dias hospitalizado, ocasião em que passou por complicações cardiorrespiratórias. O humorista foi submetido a angioplastia e ficou na UTI tratando de uma pneumonia. Já em outubro, ele retornou ao hospital por cinco dias, para aliviar uma crise de dores nas costas.

Carreira do humorista consagrou diversos personagens

Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho nasceu em 12 de abril de 1931, em Maranguape, no Ceará, mas mudou-se para o Rio de Janeiro logo aos oito anos de idade. Com 14 anos começou a ir à programas de calouros em rádios cariocas e paulistas. Chegou a passar na Faculdade de Direito, porém não cursou.

Como humorista Chico deu vida à mais de 200 personagens. Seu início na TV foi em 1957, fazendo o “Professor Raimundo”. Em 1969, já na TV Globo, consagrou os programas “Chico Anysio Show”, “Chico City”, “Estados Unidos de Chico City”, “Chico Total” e “Escolinha do Professor Raimundo”. Seus principais personagens nesses programas foram “Salomé”, o “Painho”, o “Profeta”, entre outros. Além do humor, Chico foi ator pintor, escrito e compositor.