Publicado em: terça-feira, 21/05/2013

Cervejaria Itaipava adquire naming-rights de Arena Pernambuco

Cervejaria Itaipava adquire naming-rights de Arena PernambucoO estádio que vai receber partidas da Copa das Confederações e da Copa do Mundo na cidade de Recife foi outra vez rebatizado e vai se chamar Itaipava Arena Pernambuco.

Este anúncio ocorreu durante a manhã desta segunda-feira (20), em uma coletiva de imprensa que ocorreu na capital do Estado do Pernambuco, e que envolve a compra de naming rights no estádio do Grupo Petrópolis, do Rio de Janeiro, que é quem controla a cervejaria Itaipava, com o valor que chega a R$ 10 milhões por ano, R$ 100 milhões no total até 2023.

Este foi o segundo acordo que a empresa fechou durante os últimos meses. No mês de abril, ela chegou a assegurar direitos de nome da Arena Fonte Nova, na cidade de Salvador, na Bahia, com moldes semelhantes de contrato.

Com isto o objetivo é de que nome da Itaipava fique fortalecido na região Nordeste. A empresa está fazendo uma fábrica no município de Itapissuma, a 45 km da capital Recife, e tem outras cinco marcas de cervejas, duas de energéticos e outras duas de vodka.

Este investimento sobre a área esportiva ocorre aproximadamente um ano depois da venda de bebida alcoólica serem liberadas em arenas durante a Copa. Na Copa das Confederações e o no Mundial, este nome não pode ser utilizado no estádio, pois a Fifa não permite que ocorra publicidade de empresas que sejam concorrentes aos seus eventos, e neste caso de bebidas, a patrocinadora oficial é a cervejaria belga-brasileira InBev que é dona de marcas como Brahma, Stela Artois e Budweiser.

Ainda durante esta segunda-feira (20), às 15h30 (no horário de Brasília), a presidente Dilma Rousseff vai inaugurar a Itaipava Arena Pernambuco de maneira oficial, promovendo uma partida entre os operários.

O estádio, vai abrigar três partidas na Copa das Confederações e mais seis durante a Copa Mundo, fica na região metropolitana de Recife, e chegou a custar aproximadamente R$ 532 milhões para os cofres públicos e levou três cerca de três anos para que ficasse pronto.

A Itaipava Arena Pernambuco é o terceiro o nome do Estádio de Pernambuco que já chegou a ser chamado de Cidade da Copa e de Arena Pernambuco.