Publicado em: terça-feira, 08/04/2014

CBF quer julgamento do ‘caso Portuguesa’ no Rio de Janeiro

CBF quer julgamento do ‘caso Portuguesa’ no Rio de JaneiroA Confederação Brasileira de Futebol (CBF) entrou nesta terça-feira (8) com um pedido no Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília, para que a ação movida pela Portuguesa de Desportos seja julgada na 2ª Vara Cível da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. A Lusa havia iniciado o processo na 43ª Vara Cível do Foro Central de São Paulo, que já concedeu uma liminar ao clube.

A intenção da CBF é convencer a Portuguesa a cumprir aquilo que foi determinado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que tirou quatro pontos do clube no Brasileirão do ano passado, o que consequentemente, acarretou no rebaixamento para a Série B. Em todas as vezes que a entidade cassou as liminares favoráveis à Lusa, o julgamento aconteceu no fórum da Barra da Tijuca.

Na última quarta-feira (2), a Portuguesa conseguiu uma liminar na Justiça Comum que dá de volta ao clube, um lugar na elite do futebol brasileiro. Na ocasião, o juiz da 43ª Vara Cível de São Paulo declarou que não pode haver uma punição desportiva da Fifa para a Lusa. Caso a CBF descumpra o acordo, terá de pagar uma multa diária de R$ 500 mil, a partir do início do Campeonato Brasileiro.

CBF precisaria cassar liminar da Lusa ou teria de colocar o clube na Série A

Em calendário divulgado pela CBF, a Portuguesa, a princípio, vai jogar a Série B do Campeonato Brasileiro. Caso a entidade decida pela permanência do clube na elite, o campeonato da Série A teria a participação de 21 clubes, no entanto, o regulamento da competição prevê a participação de 20 agremiações e quatro equipes rebaixadas.

A Série A do Campeonato Brasileiro começará no dia 19 de abril (sábado). Neste dia, o Fluminense, que seria rebaixado caso não houvesse a punição à Portuguesa e ao Flamengo em 2013, enfrentará o Figueirense no Estádio do Maracanã.