Publicado em: quinta-feira, 13/03/2014

Cauã Reymond revela ter ouvido funk para viver líder do tráfico

Cauã Reymond revela ter ouvido funk para viver líder do tráficoCauã Reymond irá viver um grande chefe do tráfico nas telas de cinema no filme Alemão. Ele contou em entrevista a um portal de notícias que para entrar no personagem, para ele foi fundamental ouvir um pouco do funk pancadão. Ele destacou que a música o ajudou muito a construir a imagem do vilão playboy. Em entrevista, ele declarou que ouviu bastante proibidão, que o ajudou a conseguir entrar no linguajar do personagem, tendo acesso a um dialeto particular dos morros, algo que poderia distanciá-lo de uma representação mais próxima da realidade se não conseguisse se adequar.

O filme Alemão se trata de um thriller de suspense e ação, contando com a direção de José Eduardo Belmonte, conhecido pelas obras A Concepção e Billi Pig. A estreia do novo longa metragem do diretor está prevista para esta próxima sexta feiras nas salas de cinema brasileiras. Alemão conta a história de cinco agentes policiais que se infiltram no complexo de favelas do Alemão, local prestes a ser invadido por militares.

Ou seja, o filme revive o episódio de pacificação do Complexo do Alemão, ação ocorrida em 2010. O protagonista Cauã Reymond já havia declarado em outras ocasiões que estava cansada de viver mocinhos nas tramas e estava ansioso por um papel de vilão. O ator iria inicialmente viver um dos policiais infiltrados, mas conta que ficou muito mais instigado pelo papel do líder do tráfico, mesmo que se trate apenas de uma participação especial, não central na nova trama.

Ele afirmou que ao ler o roteiro, imediatamente se interessou pelo chefe do tráfico Playboy, questionando a produção quem seria o responsável por viver o vilão. Ele contou que havia acabado de viver Jorginho na novela Avenida Brasil e estava querendo dar um basta nos mocinhos de sua carreira, já que antes dele, tinha sido Jesuíno em Cordel Encantado, outro bom moço nas novelas. Ele conta que se ofereceu para viver Playboy quando o primeiro ator escalado desistiu do papel. Nesse ímpeto de sair do bom mocismo, Cauã também deve viver um policial na séria O Caçador.