Publicado em: segunda-feira, 15/08/2011

Câncer igual ao do ator Reynaldo Gianecchini é um dos que mais cresceram nas últimas décadas

Na ultima quarta-feira (10), o ator Reynaldo Guianecchini, infirmou que havia recebido o diagnóstico de um tumor. O câncer que ele possui é um linfoma nos gânglios. Nos últimos anos, o casos de linfomas do tipo não Hodgkin duplicaram, segundo os dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca)

No último ano, o Brasil registrou 9.100 casos deste tipo de câncer. Segundo os estudiosos internacionais, o numero desta doença avançam entre 3% e 4%. Ainda não existe uma explicação para este aumento.

O linfoma pode aparecer em qualquer pessoa, de adultos à bebes, sendo homem ou mulheres. Porém, ele é mais evidente nas pessoas acima dos 60 anos. O envelhecimento da população seria uma das explicações para a causa da doença.

Os médicos também tem estudado casos ambientais para compreender melhor a ocorrência do linfoma, como o uso de alguns pesticidas. Os linfomas estão entre os tumores que estão mais suscetíveis ao tratamento. Cerca de 60% dos casos tem cura com a remoção do tumor com os tratamento de quimioterapia e com imunossupressores.