Publicado em: terça-feira, 07/02/2012

Campus Party 2012 fica aberta para o público a partir desta terça-feira

Depois de receber os 7.000 participantes que irão acampar no Anhembi até o próximo domingo (12), a Campus Party 2012 abriu os portões para o público nesta terça-feira (7) no pavilhão de exposições do local. A maior parte da feira de tecnologia é destinada aos participantes que acampam no local, mas há uma área onde visitantes podem passar gratuitamente por estandes de companhias que aproveitam o evento para apresentar produtos novos.

Além dos “campuseiros”, nome dado aos participantes que pagaram para dormir no local, a organização da feira tem a expectativa de receber 200 mil visitantes para a 5ª edição do evento realizada no Brasil. A grande novidade para este ano é a internet com velocidade de 20 Gbps (Gigabits por segundo) disponível para que os participantes façam downloads, duas vezes maior do que a oferecida no ano passado.

Os campuseiros e o público que comprou o ingresso poderão participar de palestras internacionais no palco principal da feira durante toda a semana. Um dos palestrantes mais esperados acabou cancelando sua participação em cima da hora. De acordo com a assessoria de imprensa da Campus Party, o pesquisador John Klensin, do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts, em português), enfrentou problemas para retirar o visto brasileiro.

Mesmo assim, outras 12 palestras seguem confirmadas para o evento, como Kul Wadhwa, diretor da Wikipedia, que irá falar sobre as leis antipiratarias que estão em trâmite no Congresso dos Estados Unidos, na próxima quinta-feira (9), às 13h. Outra atração esperada do evento é a mesa temática “Os filhos da internet”, que acontece na sexta-feira (10), às 13h, e contará com a presença de Rafinha Bastos, Rodrigo Fernandes e PC Siqueira, famosos na internet brasileira.