Publicado em: sexta-feira, 25/04/2014

Brasileiros afirmam que vida melhorou no último ano pelo esforço próprio e pela fé em Deus

Brasileiros afirmam que vida melhorou no último ano pelo esforço próprio e pela fé em DeusGrande parte dos brasileiros tem a convicção de que a vida teve uma melhora no último ano, e esse avanço tem relação com seu próprio esforço e na fé em Deus, segundo uma pesquisa chamada, “A Relação dos Brasileiros com os Serviços Públicos”, divulgada pelo Instituto Data Popular na última quinta-feira (24).

De acordo com os dados levantados após ouvir 3 mil pessoas, 67% dos brasileiros acreditam que a vida melhorou por esses quesitos. Dos que acreditam que a vida melhorou, 52% avaliam que a melhora tem relação com o próprio esforço.

31% afirmam que a causa da melhora, é Deus e a fé, já 13% falam que os responsáveis são a família. A minoria, que foram 2% dos entrevistados, dizem que o governo é o responsável pela melhoria. Para 1% foi a sorte e por conta do patrão 1%.

A pesquisa também mostrou que mesmo não considerando o governo responsável pela melhora de vida, os brasileiros desejam um governo que seja presente no dia a dia. De acordo com os dados, 66% dos entrevistados acham que quanto mais benefícios o governo disponibilizar, mais qualidade de vida os cidadãos terão.

A pesquisa também aponta que 61% da população acredita que o governo tem que intervir com força na economia evitando abusos das empresas. A pesquisa também informou que de acordo com a carga tributária alta, os brasileiros são a favor da oferta de serviços que são pagos pelo Estado.

Já para 91% das pessoas que foram entrevistadas, o governo deveria custear totalmente a saúde, – incluindo educação básica e creches -, 84% dizem que os remédios deveriam ser pagos pelo Estado.

Segundo 72%, o Estado deveria ser responsável por custear o ensino superior e por fim, 56% afirmam que o transporte público deveria também ser custeado pelo Estado, entre outros quesitos que foram avaliados.