Publicado em: segunda-feira, 05/09/2011

Brasileiro deveria receber salário mínimo no valor de R$ 2.278,77, diz Dieese

O Departamento intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), divulgou na sexta-feira (2) a pesquisa referente ao mês de agosto sobre o valor do salario mínimo brasileiro. A pesquisa aponta que o salario mínimo pago deveria ser de R$ 2.278,77 para que consiga realizar o pagamento das despesas básicas.

Para a Dieese, os trabalhadores precisariam receber 4,18 vezes mais o valor do atual salario mínimo para conseguir atender a todas as suas demandas, como pagamento de contas, alimentação e vestuário. Atualmente, o salario é de R$ 545,00.

Em relação ao mês de março, quando o valor de R$ 545 foi instituído, era necessário que o salario fosse de R$ 2.247,97. Comparado a agosto, o pagamento de contas, moradia, lazer, alimentação, educação, transporte e previdência social ficou R$ 31,00 mais caro.

Um dos itens mais caros da renda é o da cesta básica. Em agosto, a cesta representa R$ 46,76 do total a remuneração paga. Em julho passado, o índice era de 46,38%. Já em agosto de 2010, o total era de 44,29%. Na época, o salario mínimo era de R$ 410, e a necessidade para o pagamento seria de R$ 2.023,89.