Publicado em: quinta-feira, 07/07/2011

Brasileirão – Cruzeiro 2 x 0 Grêmio

O favoritismo cruzeirense antes de a bola rolar na Arena do Jacaré, diante de um cambaleante tricolor gaudério, se confirmou e garantiu a manutenção dos 100% de aproveitamento de Papai Joel na Toca da Raposa. Após as duas vitórias seguidas, o Cruzeiro se postula a possível candidato ao título enquanto o Grêmio junta os cacos após mais um tropeço.

O nome do jogo foi o ídolo celeste Montillo, que a essa altura faz falta na seleção nacional de Batista na Copa América. O camisa 10 argentino marcou duas vezes e garantiu o triunfo mineiro. Do outro lado do gramado, o destaque era o campeão mundial Gilberto Silva, debutando pelo time do sul.

O primeiro gol da partida veio aos 25 minutos do primeiro tempo, em cruzamento de Fabrício para Montillo, que tirou do goleiro Marcelo Grohe – reserva de Victor, na Copa América – sozinho na grande área. Depois do tento, o Grêmio de Julinho Camargo se afundou na insegurança e ainda sentiu a pressão da massa na Arena do Jacaré.

Leandro por pouco não igualou o placar no começo da etapa derradeira. A esperança gremista durou mais nove minutos depois do começo do segundo tempo, até Wallyson dar bela assistência a Montillo. O argentino marcou um golaço, no ninho da coruja. Com a vantagem, o Cruzeiro cedeu mais espaço mas viu seu goleiro Fabio garantir o resultado.

O Cruzeiro chegou aos 12 pontos, e agora enfrenta o São Paulo em crise por uma vaga no G4. O jogo acontece no Morumbi. Já o Grêmio receberá o Coritiba, no Olímpico, em busca da reabilitação.