Publicado em: quinta-feira, 22/01/2015

Brasil teve 24.612 novos casos de hanseníase em 2014

De acordo com os dados do Ministério da Saúde, no último ano, o Brasil registrou mais de 24.600 novos casos de hanseníase. Na manhã de ontem, em Brasílio, o Ministério da Saúde apresentou dados preliminares de acordo com os levantamentos feitos da doença no ano de 2014. Os anúncios sobre a doença integram o pacote de ações do Governo Federal para marcar o Dia Mundial de Luta Contra a Hanseníase, marcado para 25 de janeiro.

Os números oficias e completos do ano de 2014 só serão divulgados no mês de março. De acordo com o governo federal, a doença se trata de uma endemia no país, que vem apresentando decréscimo desde o ano de 2003. No ano retrasado foram identificados 31 mil novos casos, alcançando uma porcentagem de cura de mais de 80% nos últimos anos. No início do levantamento, em 2003, o país registrou quase 52 mil casos da doença, com uma incidência de quase 30 descobertas para cada 100 mil habitantes. No ano passado, os dados preliminares indicam que essa média ficou em 12 descoberta para cada 100 mil habitantes.Brasil teve 24.612 novos casos de hanseníase em 2014

A doença estará sob controle quando a taxa de incidência fica próxima de uma descoberta para cada 10 mil habitantes, conforme a recomendação da Organização Mundial da Saúde. O governo federal informou que o objetivo é alcançar essa taxa em todo o Brasil, mas ainda não definiu um prazo para a concretização desse propósito. Ainda que o país venha apresentando melhora, o Brasil ainda está listado como o segundo país com mais casos da doença, ficando atrás da Índia.

Doença vem sendo tratada no país

Aumento de 2013 para o ano passado a prevalência da doença no país, que envolve tanto os casos novos como também o número de pessoas que já tiveram os casos contabilizados em anos anteriores e já estão realizando tratamento. O número de pessoa em tratamento foram contabilizadas em 32 mil no passado. O ministério da Saúde vem assumindo estratégias para eliminar a doença no país e ainda ampliar a oferta de tratamento, intensificando a queda desses números. Uma série de ações estão previstas para ocorrer em todo o país no Dia Mundial de Luta Contra a Hanseníase, em 25 de janeiro.