Publicado em: terça-feira, 29/06/2010

Brasil e Chile

Comprovando o favoritismo, e também a freguesia adversário, a seleção brasileira goleou o Chile por 3 x 0 na tarde desta segunda-feira (28) em Johanesburgo. Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Dunga se classificou para as quartas-de-final e vai encarar a velha conhecida Holanda.

O Brasil dominou praticamente o jogo inteiro e não sofreu qualquer tipo de ameaça. O jogo começou equilibrado, com os chilenos com maior posse de bola. Mas não conseguiram chegar ao gol. Já o Brasil, depois do primeiro gol, soube explorar os contra-ataques para liquidar o jogo.

O primeiro gol brasileiro saiu de um escanteio após um lance polêmico. O zagueiro Lúcio sofreu falta dentro da área, mas o arbitro só assinalou escanteio. Na cobrança de Maicon, Juan subiu mais que todo mundo e testou firme para o fundo do gol.

Após o gol, a seleção chilena teve que sair para o jogo e deixou espaços atrás. O segundo gol saiu após Robinho receber passe da zaga, avançar e tocar para Kaká que com um leve toque deixou Luis Fabiano na cara do gol, o atacante teve frieza para driblar o goleiro Bravo e marcar o seu terceiro gol na Copa. O último gol saiu após roubada de bola de Ramires, que substituiu Felipe Melo, que conduziu até a entrada da área e tocou para Robinho, de primeira, chutar bonito no cantinho.

p1