Publicado em: segunda-feira, 30/06/2014

Brasil 1 (3) x 1 (2) Chile: Seleção sofre, Julio César brilha e equipe está nas quartas da Copa do Mundo 2014

Brasil 1 (3) x 1 (2) Chile: Seleção sofre, Julio César brilha e equipe está nas quartas da Copa do Mundo 2014Conforme o previsto pelo técnico Luiz Felipe Scolari, a Seleção Brasileira teve dificuldades contra o Chile, pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2014 e avançou nas penalidades máximas, no último sábado (28), no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. No tempo normal, o Brasil ficou no empate por 1 a 1, igualdade que persistiu na prorrogação. Nos pênaltis, o goleiro Júlio César brilhou ao pegar duas cobranças e o time canarinho se classificou.

O início de jogo foi equilibrado, a Seleção Brasileira buscou jogadas pela esquerda, mas também sofreu com os contra-ataques. Aos 18 minutos, Neymar bateu escanteio, Thiago Silva escorou e David Luiz dividiu com Jara para abrir o placar, Brasil 1 a 0. Mas aos 31 minutos, falha na saída de bola brasileira, Hulk errou o passe, Vargas deu a assistência para Alexis Sánchez, que bateu cruzado no canto direito, 1 a 1. Quatro minutos depois, Oscar cruzou na área, Neymar cabeceou, a bola desviou em Francisco Silva e foi pra fora, com perigo.

Já no final da primeira etapa, aos 38 minutos, Oscar lançou na área, Neymar dominou, Isla tentou tirar, a bola bateu em Fred e foi por cima do gol. Aos 42 minutos, Daniel Alves arriscou de longe e Cláudio Bravo espalmou. Três minutos depois, Luiz Gustavo errou na saída de bola, Alexis Sánchez tocou para Aranguiz, que foi travado por David Luiz.

A Seleção Brasileira voltou tomando iniciativa na etapa complementar, mas o jogo foi truncado, com muita disputa pela bola. Logo aos quatro minutos, Fernandinho bateu de fora da área, a bola foi pra fora. Cinco minutos depois, Marcelo lançou na área, Hulk dominou com o braço e mandou para as redes, mas o árbitro Howard Webb anulou o gol. Aos 19 minutos, Isla tabelou pela direita e cruzou, Aránguiz bateu forte e Júlio César espalmou. No final do tempo normal, aos 35 minutos, Daniel Alves cruzou, Neymar cabeceou e Bravo fez a defesa.

O primeiro tempo da prorrogação foi tenso, com muitos erros de cruzamento. Aos nove minutos, Marcelo lançou Jô, que foi travado no momento do chute. Aos 13, Hulk fez jogada individual pelo meio e bateu forte, Bravo fez grande defesa.

Na segunda etapa da prorrogação, logo no primeiro minuto, Neymar cobrou escanteio e Jô cabeceou por cima do gol. A melhor oportunidade foi da Seleção Chilena, aos 14 minutos. Pinilla tabelou com Vargas e bateu forte, a bola bateu no travessão. Nos acréscimos, Ramires bateu de fora da área, a bola saiu à direita do gol adversário.

Brasil bate o Chile nos pênaltis e está nas quartas de final da Copa do Mundo 2014

Nas penalidades máximas, o Brasil converteu três das cinco cobranças, com David Luiz, Marcelo e Neymar. O goleiro Júlio César defendeu os chutes de Pinilla e Alexis Sánchez. No último lance, Jara bateu na trave e a Seleção Brasileira venceu por 3 a 2.

Pelas quartas de final da Copa do Mundo 2014, a Seleção Brasileira volta a jogar na próxima sexta-feira (4 de julho), às 17 horas, na Arena Castelão, em Fortaleza.