Publicado em: sexta-feira, 17/02/2012

Bovespa fecha o dia com o maior nível desde abril

A Bolsa de Valores de São Paulo atingiu ontem (16) a maior pontuação em quase 10 meses. O aumento do preço das ações é resultado das declarações feitas por autoridades européias sobre o acordo de resgate da Grécia, que deverá ser assinado na próxima segunda-feira (20), e também de dados positivos sobre a situação dos EUA. O Ibovespa, que é o principal índice da bolsa brasileira, subiu 1,18% na tarde de ontem, alcançando 66.141 pontos. Este foi o maior valor constatado desde 27 de abril do ano anterior.

Mudanças positivas também ocorreram em outros países. Em Nova York, o índice Dow Jones teve aumento de 0,91% e o S&P 500 chegou a 1,03%. De acordo com o estrategista-chefe da SLW, Pedro Galdi, essas altas nas bolsas de valores são resultado dos dados sobre auxílio desemprego nos EUA e das autoridades européias que confirmaram que vão ajudar na recuperação econômica da Grécia ainda este mês e não apenas em Abril, como havia rumores.

A quantidade de pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caiu inesperadamente no decorrer dos últimos dias. Já no caso da Europa, a proposta de ajudar a Grécia apenas depois das eleições do país não teve apoio, mantendo-se o auxílio ainda pra as próximas semanas.

Empresas brasileiras têm aumento de preço em suas ações

No Brasil, a maior parte das grandes empresas teve alta em suas ações. As ações pertencentes a Vale subiram 0,67%, chegando a R$ 42,36. Isso ocorreu mesmo depois da companhia ter anunciado o resultado fraco do último trimestre de 2011.

Já a Petrobras subiu 3,38% e alcançou R$ 23,88. A Cielo também teve alta e foi o grande destaque do dia. O valor das ações disparou 6,24% e chegou a custar R$ 59,90. A Natura também subiu 0,98%, ficando em R$ 41,40 ao final do dia. A Natura informou ontem que os dados de 2012 devem ser melhor que os de 2011, o que deve ocorrer devido ao aumento do salário mínimo e pelo controle da inflação.