Publicado em: terça-feira, 07/02/2012

Bonecos de “Os Simpsons” são proibidos no Irã

O jornal independente Shargh informou nesta segunda-feira, dia 6 de janeiro, que os bonecos que fazem a representação dos personagens da série “Os Simpsons” foram proibidos de serem comercializados pelo regime islâmico do Irã. A proibição foi feita porque o regime considera o desenho “contrário à cultura do país”. Outros objetos da série também foram vetados, como materiais escolares e mochilas.

“Os Simpsons” é uma sitcom norte-americana desenvolvida por Matt Groening para a emissora FOX. O desenho animado faz uma sátira ao estilo de vida as pessoas de classe média dos Estados Unidos, e é estrelada pela família composta por Homer, Marge, Bart, Lisa e Maggie. Os personagens moram na cidade de Springfield e sempre são visitados por celebridades internacionais.

Os personagens de “Os Simpsons” começam a integrar o grupo de personagens que são proibidos no Irã. Entre eles está a famosa boneca Barbie, que é considerada imoral e que não traz um efeito positivo na educação das crianças do país. De acordo com Mohamad Bagher Adosi, do Centro para o Desenvolvimento Intelectual de Crianças e Jovens do Irã, a Barbie se veste com roupas que não estão nos padrões exigidos pelo regime teocrático islâmico xiita.

As proibições não devem parar por aí. Adasi já informou que a próxima medida do Centro para o Desenvolvimento Intelectual de Crianças e Jovens iranianos será vetar outros personagens como o Homem-Aranha e Superman. A proibição destes super-heróis será feita porque eles disseminam a cultura dos Estados Unidos e também da Europa.