Publicado em: quinta-feira, 15/09/2011

Bombeiros detidos foram liberados nesta quinta-feira

Após serem presos por crime de desobediência na madrugada de quarta-feira, o cabo Beneveluto Daciolo e o capitão Alexandre Marquesini foram liberados nesta quinta-feira por volta das 4 horas. Ambos são líderes do movimento que luta por melhores condições de trabalho para os bombeiros.

Os defensores Daniel Lozoya e Luis Felipe Drummond disseram que as prisões dos bombeiros foram ilegais. E a defensoria do Estado do Rio conseguiu um habeas corpus para os dois militares.

A prisão dos bombeiros feita ontem ocorreu porque eles não obedeceram a ordem de deixarem a entrada do Palácio da Guanabara, onde realizavam um acampamento com mais manifestantes em protesto por reivindicações já feitas que não foram atendidas.

O cabo Benevoluto Daciolo, depois de ser solto, passou mal e foi internado no Hospital Central dos Bombeiros. E o capitão Alexandre Marquesini uniu-se aos militares que acampam em frente a à Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.