Publicado em: terça-feira, 06/12/2011

Blatter afirma que Copa-2014 pode ter ajuda da tecnologia

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, informou que a Copa do Mundo de 2014, que será realizada no Brasil, poderá contar com a ajuda da tecnologia para solucionar lances duvidosos. A declaração foi feita ao jornal ‘Mundo Deportivo’, da Espanha, nesta terça-feira (06).

De acordo com o dirigente, a entidade já vem estudando as possibilidades de adotar dispositivos que ajudem a evitar erros de arbitragem. Blatter chegou a declarar que a principal intenção do uso da tecnologia é ‘evitar os gols fantasmas’ no Mundial no Brasil.

Na entrevista, Blatter não detalha quais seriam estes artifícios, mas garante que a Fifa já tem algumas alternativas, consideradas ‘fáceis de utilização e confiáveis’. Um destes dispositivos que tem se discutido seria um chip na bola, que alertaria quando ela tivesse atravessado a linha do gol.

A preocupação da Fifa é que mais lance polêmicos surjam nas próximas edições da Copa do Mundo. No Mundial realizado na África do Sul, a Inglaterra chegou a marcar um gol legal, com Frank Lampard, mas o auxiliar não validou o lance, alegando que a bola não havia entrado totalmente.