Publicado em: quinta-feira, 05/01/2012

Bispo católico assume ser pai de dois filhos e renuncia cargo

O bispo auxiliar de Los Angeles, Gabino Zavala, assumiu ser pai de dois filhos adolescentes e renunciou a sua posição dentro da instituição católica. Informações do Vaticano indicam que o papa Bento 16 aceitou a renúncia de Zavala. O bispo tem 60 anos e seus filhos vivem com a mãe em outro estado.

Jose Gomez, arcebispo de Los Angeles, escreveu sobre o caso em uma carta destinada aos fiéis, afirmando que a arquidiocese oferece ‘cuidado espiritual’ à família e ajuda com custas da universidade dos adolescentes. Gomez também afirma que Zavala vive agora num isolamento, sem participar das atividades ministeriais desde a renúncia.

Zavala nasceu no México e realizou campanhas contra a pena de morte e em defesa dos direitos de imigrantes. No comunicado oficial, o Vaticano não afirmou qual a razão para a renúncia do bispo. Mas o comunicado faz referência a uma lei que permite a renúncia de sacerdotes antes da idade normal caso sejam incapazes de exercer seus deveres por alguma razão.

Não se tem indicações de que o papa esteja disposto a flexibilizar as regras da Igreja Católica sobre o celibato, que existe desde o século 11. Em março, ele afirmou que o celibato seria “um sinal de devoção e de comprometimento total com o Senhor e com seu assuntos, uma expressão da entrega de si mesmo a Deus e ao próximo”.