Publicado em: quinta-feira, 24/04/2014

Beyoncé é eleita pela Time como uma das pessoas mais influentes do mundo

Beyoncé é eleita pela Time como uma das pessoas mais influentes do mundoNo último ano, o rapper Jay-Z foi a capa da revista Time, uma edição especial que trazia a lista das 100 pessoas mais influentes do mundo, tendo ele em destaque. Este ano, entretanto, o destaque ficou com sua esposa, a cantora Beyoncé. Conhecida como Queen B, é ela quem está estampando a edição especial deste ano, como um dos nomes principais da lista das pessoas mais influentes do mundo. A revista chega às bancas no próximo dia 25 de abril. Beyoncé realizou um ensaio especial para Time e ainda ganhou um perfil escrito pelo chefe operacional do Facebook, Sheryl Sandberg.

Todos os anos a Time publica anualmente uma lista com o nome de diversas personalidades influentes no mundo, que tem se destaca na política, nas artes, na economia e ainda em outros campos de atuação. Beyoncé foi colocada na seção Titãs da lista e foi homenageada com um perfil especial. A empresária usou o perfil para relembrar o sucesso da turnê Mrs Carter Show Tour, além do lançamento surpresa do álbum Beyoncé, que pegou a todos de surpresa no final do ano passado. O perfil destaca ainda a personalidade de Beyoncé, que atua na música, mas sempre divulgando mensagens motivacionais para mulheres e meninas que são suas fãs.

Entre outros nomes conhecidos que também integram a lista estão personalidades como Miley Cyrus, Amy Adams, Matthew McCounaghey, Seth Meyers, Benedict Cumberbatch, Robin Wright e Kerry Washington. O perfil escrito por Sheryl Sandberg começa afirmando que Beyoncé não é uma mulher que fica apenas sentada, esperando as coisas acontecerem, que ela é alguém que constrói um amanhã melhor, citando a abertura da empresa Parkwood Entertainment, em 2008.

Fala ainda de como a cantora pegou o mundo todo de surpresa ao lançar um novo álbum já completo, inclusive com vídeos no Instagram e no Facebook, abalando os padrões da indústria musical e batendo recordes de vendas. Uma das músicas inclui o trecho ‘Nós dizemos para as meninas que elas podem ter ambição, mas não muita’, da escritora Chimamanda Ngozi Adichie.