Publicado em: sexta-feira, 26/07/2013

Beth Carvalho recebe alta depois de onde meses internada

Beth Carvalho recebe alta depois de onde meses internadaParece que uma onde de problemas de saúde tem levado diversos artistas e celebridades para o internamento em grandes hospitais e longos períodos de acompanhamento e observação médica. Foi também o caso da sambista Beth Carvalho, que depois de passar onze meses internada, recebeu na tarde de terça feira (23) alta médica do Hospital Pró Cardíaco, no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação da instituição médica, localizada na Zona Sul da capital carioca.

Beth Carvalho deu entrada no hospital em agosto do ano passado, quando a sambista foi submetida a uma cirurgia na coluna, com o propósito de colocar pinos ortopédicos para melhorar sua sustentação. Desde o procedimento cirúrgico na coluna, a sambista estava mantida internada no hospital para tratamento. Ainda durante o carnaval deste ano, Beth Carvalho chegou a cogitar participar de um desfile, da escola Acadêmicos do Tatuapé, mas foi impedida pelos médicos, apesar da escola ter saído na avenida com um enredo de homenagem a sambista.

Entretanto, o problema de coluna enfrentado pela sambista ocorre há mais tempo, bem anterior a cirurgia. No ano de 2011, Beth chegou a passar alguns meses sem andar, sendo o sacrifício necessário para conseguir se recuperar de uma fissura na coluna. Desde este episódio, Beth Carvalho estava realizando seus shows e apresentações sentada, para não forçar a coluna.

O assessor da cantora, Afonso, afirmou em junho deste ano que Beth Carvalho está vivendo este processo mesmo antes da cirurgia, porque a sambista se encontra há dois anos em tratamento por dores na coluna. A internação por tantos meses já estava prevista no tratamento e agora ela segue em recuperação.

Por conta deste afastamento dos palcos, Beth Carvalho realizou de forma alternativa a participação já prevista no CD de sua sobrinha, a cantora Luciana Carvalho. Foi preciso montar um estúdio móvel no quarto de hospital da sambista, para que ela gravasse com a melhor qualidade possível a canção Receita de Prazer, composta por Rogerinho do Cavaco e Deyse do Banjo.