Publicado em: quarta-feira, 04/05/2011

Bernardinho completa dez anos de seleção masculina de vôlei

Nesta quarta-feira (04) o técnico da seleção masculina de vôlei, Bernardinho, completa dez anos nos comando da equipe. A passagem é mais do que brilhante e o treinador reergueu o voleibol masculino brasileiro no mundo inteiro.

Essa história de sucesso começou nos jogos Olímpicos de 2000, em Sidney (Austrália). Nessa época Bernardinho conseguiu a medalha de bronze com o vôlei feminino. Os dirigentes da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) acreditaram na capacidade do treinador e o anunciaram como o novo técnico da seleção masculina.

A partida de estreia de Bernardinho no comando do time aconteceu em um amistoso diante da Noruega, disputado em Portugal. A partir desse jogo o Brasil se tornou a melhor seleção de voleibol do mundo.

Dez anos depois desse jogo o país conquistou três vezes o campeonato mundial, oito vezes a Liga Mundial e foi campeão olímpico novamente (o primeiro ouro veio em 92). Bernardinho substituiu Radamés Lattari no comando da equipe.

Os números do treinador impressionam. Em 349 partidas disputadas a equipe venceu 313 vezes e perdeu apenas 36 jogos. Isso gera um aproveitamento de 89,6% pela Seleção. Em 35 campeonatos Bernardinho venceu 27, ou seja, 77% de aproveitamento de títulos.