Publicado em: terça-feira, 13/03/2012

BBB12: Fabiana e Kelly têm discussão sobre a amizade

Depois da crise de choro da mineira Kelly, chegou a hora dela e da amiga Fabiana discutirem a relação. No quarto do líder, as duas começam falando sobre as revelações que foram feitas no jogo da verdade, realizado na exibição do programa de segunda-feira, horas antes.

Mama tenta se explicar sobre o motivo que a teria feito afirmar que gostaria de ir para a final do jogo com o caubói Fael, ao invés da amiga inseparável na casa. “Não é que eu não quero que você esteja na final, eu quero!”, tenta justificar Fabiana, que já havia se desculpado com Kelly.

A morena comenta então sobre uma conversa que as duas haviam tido em uma das festas do BBB12. “Eu senti que eu estava te apertando muito, que estava muito em cima. Você falou aquilo para mim e eu entendi. Para bom entendedor, meia palavra basta. A maneira que eu sou com você, não significa que você tenha que ser comigo”, explica a mineira. “Mas eu gosto…”, Fabiana tenta afirmar.

“Eu não encanei com nada. Eu entendi o recado. A minha encanação não é com ninguém aqui da casa. Eu sei entender as coisas muito bem. Na minha cabeça, você gosta de mim. Eu quero que você esteja comigo na final. Isso não quer dizer que você tenha que querer isso também. Eu tentei parar de ficar muito perto porque você falou que eu fico em cima demais. O que você falou, eu absorvi e tentei mudar. Eu senti que você se afastou e pensei: será que estou enchendo o saco dela? Você achou que eu estava forçando algo”, Kelly começa a tentar explicar o motivo de sua crise de choro, desencadeada pelos problemas na relação com a amiga.

Mama fica um pouco reticente em trazer de volta para discussão o assunto da festa, e tenta explicar que sua afirmação no jogo da verdade nada teve a ver com isso. “Não tem nada a ver com a brincadeira de hoje. O que falei tem a ver com o que aconteceu comigo. Eu senti que você estava diferente, por isso eu perguntei se eu te fiz alguma coisa”. A conversa continua e as duas acabam se entendendo, selando o fim da discussão com um abraço.