Publicado em: quinta-feira, 07/07/2011

Banda larga popular: Primeira cidade já tem estrutura instalada

O Projeto Nacional de Banda Larga (PNBL), que ficou conhecido como a banda larga popular, tem definida a primeira cidade a receber o serviço da internet barateada. Localizada no estado de Goiás, a cidade de Santo Antônio do Descoberto teve equipamentos da Telebrás instalados para permitir a transmissão do sinal da internet. Na cidade, a operadora que distribuirá o serviço é a Sadnet, que fez testes para verificar a conexão com a rede da Telebrás. O custo da internet será de R$35,00 com velocidade de 1 Mbps.

Para incentivar o funcionamento mais rápido da banda larga popular no município, a prefeitura da cidade disponibilizou um terreno para viabilizar a construção da estrutura onde os equipamentos poderão ser instalados. Estes são necessários para receber o IP de conectividade da Telebrás. Um dos motivos para a definição do primeiro município incluido no PNBL é por estar próximo da cidade de Samambaia, sede administrativa do Distrito Federal.

De acordo com números divulgados pelo Censo 2010, Santo Antônio do Descoberto conta com 63 mil habitantes. A cidade não possui shopping center nem salas de cinema, fatores que influenciam a predominância do lazer nos espaços de lan-houses, estabelecimentos que permitem o uso da internet com um custo pela hora de uso. Atualmente, 3,5 mil pessoas usam a internet ADSL ou via rádio.

Segundo o prefeito da cidade, Davi Leite da Silva (PR), os moradores da camada mais pobre do município tem acesso à internet somente pelas lan-houses. A prefeitura instalou dois telecentros e os laboratórios das escolas públicas também podem ser usados. Ainda assim, Silva considera poucas as oportunidades.