Publicado em: sexta-feira, 26/08/2011

Banco Central acumula saldo positivo em R$ 12,2 bilhões no primeiro semestre

Nesta quinta-feira (26), o Banco Central (BC) anunciou quais foram os resultados referente ao alto no primeiro semestre deste ano. O valor chegou ao superávit de R$ 12,2 bilhões. No mesmo período em 2010, a quantia era de R$ 10,8 bilhões. A alta é explica principalmente pelo influencia da alta dos juros que foi estabilidade pela entidade no semestre, causando assim o aumento da receita em títulos públicos.

O diretor de Administração do Banco Central, Altamir Lopes, disse que o saldo estará disponível para transferência ao Tesouro nacional em até dez dias utes, a partir desta quinta-feira.

Lopes aproveitou para informar que com a valorização do real em relação as principais moedas, o valor da manutenção das reservas internacionais chegou a R$ 44,5 bilhões entre os meses de janeiro a junho. Sem não houvesse a correção do cambio, o valor seria de apenas R$ 15,7 bilhões.

O Banco Central disse que se fizer a soma do que foi perdido com a variação dos valores encontrados nos contratos de swap cambial, o Tesouro terá que fazer o pagamento de R$ 46,2 bilhões. Ja referente ao segundo semestre do ano passado, também é necessário equalizar o cambio em R$ 46,6 bilhões. Assim, o Tesouro nacional precisa transferir ao BC a quantia estimada de R$ 92,8 bilhões. Também será necessário fazer a remuneração de ambos os períodos, que chega a R$ 3 bilhões.