Publicado em: sábado, 15/10/2011

Avon – Vendas por catálogo abrem espaço para mercado de livros

Leitura é essencial. Não somente na fase de aprendizado, como também para acrescentar cultura aqueles que já sabem ler. A venda através de catálogos permite que o consumidor compre com comodidade e, acima de tudo, por preços, na maioria das vezes, mais baixos do que em livrarias. A Avon, que está a 18 anos neste ramo, ampliou o catálogo com livros infantis e títulos mais vendidos.

Com mais de um milhão de revendedoras, a Avon faz parceria com mais de 20 editoras para agradar seu fiel público. São ofertados aos consumidores aproximadamente 80 títulos. De acordo com a gerente da Avon no Brasil, Adriana Picazio, a tática para o sucesso é oferecer preços que competem com os de mercado e variedade nos produtos.

A empresa não revela os números de vendas, mas afirma que já respondeu por metade das vendas de best-sellers, como “O Código da Inteligência”, de Augusto Cury, e a série “Crepúsculo”, um dos favoritos entre as adolescentes. Adriana afirma que com o livro do padre Marcelo Rossi, “Ágape”, a empresa vendeu em quatro meses o que as livrarias conseguirem em 14 meses.

Para Márcia Cavalheira, revendedora da Avon, o que mais atrai os consumidores é o preço dos livros vendidos por catálogo. Ela afirma que tem cientes que compram livros todos os meses e diz que é simples vender, pois através da venda direta a revendedora conhece cada cliente e sabe seus gostos. De acordo com Márcia, os livros são 20% de suas vendas.

p1