Publicado em: quarta-feira, 15/01/2014

Avaliação doméstica pode constatar elementares sinais do Mal de Alzheimer

Avaliação doméstica pode constatar elementares sinais do Mal de AlzheimerUm exame que pode ser realizado em domicílio e leva pouco menos de 15 minutos para ser concluído está sendo avaliado um instrumento seguro para ajuizar as desenvolturas cognitivas de um indivíduo e assim apoia na identificação dos iniciais sinais de moléstias como o Mal de Alzheimer ou uma psicose em fase primitiva. A pesquisa, denominada SAGE, pode ser conduzida ao recinto caseiro e dividido com o especialista, que então deve adaptar-se aos pressentimentos. Produzido por um perito americano, o exame ordena somente papel e caneta.

A apreciação incide em determinadas questões sobre rumo, elocução, raciocínio, decisão de adivinhações e aptidão de recordar de episódios recentes. Dos 1,047 indivíduos examinados no centro médico onde o exame foi produzido, 28% tiveram apontado algum identificador de empenho cognitivo.

A despeito de não diagnosticar dificuldades como o Mal de Alzheimer, esse singelo teste alcança assegurar aos médicos um suporte para ponderar o desempenho cognitivo dos doentes, melhor do que somente dialogando e notando sua conduta. Ao analisar os presságios iniciais de uma enfermidade neurológica, cientistas podem escoltar o alargamento de moléstias que abordam o cérebro e atuar mais ligeiramente, se indispensável.

É habitual que os médicos não arrumem diagnóstico exatos a partir somente de visitas corriqueiras aos consultórios, sobressai Douglas Scharre, inventor do exame e dirigente da Divisão de Neurologia Cognitiva. O complicado, segundo ele, é reconhecer déficits perspicazes de cognição que surgem no dia a dia e podem recomendar indisposições como a insanidade. O levantamento foi divulgado no periódico científico The Journal of Neuropsychiatry and Clinical Neurosciences.

O conceito dos estudiosos da Universidade do Estado de Ohio é despontar que é admissível e hábil sobrepor testes simples, que podem convir como diagnóstico para uma ampla quantidade de pessoas. O Dr. Scharre assegura que o tratamento é muito mais dinâmico quando o diagnóstico é feito precocemente aos elementares sintomas, contudo, a grande parte dos doentes levam muito tempo para buscar auxílio médico.