Publicado em: quinta-feira, 28/11/2013

Autores de Além do Horizente afirmam que mudanças já estavam previstas

Autores de Além do Horizente afirmam que mudanças já estavam previstasParece que a nova novela das sete da Rede Globo está tendo dificuldade em emplacar na grade de programação depois de terminada a popular Sangue Bom. Todo início de nova trama apresenta estes obstáculos, mas nos bastidores já se comenta que passou da hora de a novela conseguir conquistar público fiel, ainda mais em um roteiro cheio de suspense e caminhos instigantes, além de contar com nomes de peso da emissora no elenco da nova novela.

A trama estreou no último dia 4 de novembro e vem recebendo boas críticas e elogios de especialistas em televisa, mas a baixa audiência de Além do Horizonte ainda é um problema frequente para a direção da Globo. Críticos de televisão trouxeram a teoria de que por conta destes índices negativos, os autores da trama, Carlos Gregório e Marcos Bernstein precisaram colocar em prática algumas mudanças na novela. Entretanto, o autor Carlos Gregório garantiu que as mudanças já eram previstas para ocorrer, ainda que tão cedo na novela.

Ele afirmou que o que os autores estão fazendo na trama já estava prevista, já que a proposta é que Além do Horizonte seja uma novela com uma série de novidades constantes. Ele ainda frisou que a direção já estava ciente que tudo ia depender da avaliação da novela no ar. O autor ressaltou ainda que a novela ainda está há menos de um mês no ar e que os núcleos ainda estão se apresentando para o público. Gregório ressaltou como exemplo a estreia do ator Alexandre Nero, que de acordo com ele, mesmo tendo entrado em cena apenas nesta semana, será de fundamental importância para a trama.

Sobre a chance de apostar mais no humor e no romance, deixando de lado a ideia toda de suspense da trama, o autor explicou que não há ainda um foco muito definido sobre isso, porque não foi desenvolvido um núcleo específico de humor, mas ele está presente na novela, mais em alguns núcleos que outros, como na cidade, em que alguns personagens são mais engraçados que os outros. O escritor lembrou ainda que faz parte da dinâmica da novela acompanhar como as tramas estão sendo recebidas pelo público, e sempre há ajustes para serem feitos, o tempo todo.