Publicado em: segunda-feira, 05/05/2014

Atlético-PR 2 x 3 Cruzeiro: Reservas da Raposa vencem mais uma e time divide liderança do Brasileirão 2014

Brasileirão 2014Os reservas do Cruzeiro venceram o segundo jogo no Campeonato Brasileiro, dessa vez por 3 a 2 sobre o Atlético-PR no último sábado (3), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Dessa forma, a Raposa está na vice-liderança da competição com sete pontos ganhos, mesmo número do líder Corinthians, que tem um gol a mais de saldo (3 a 2). Já o Rubro-Negro está na oitava posição na tabela, com quatro pontos conquistados.

A partida começou equilibrada, com o time celeste tendo mais posse de bola, embora o Rubro-Negro fosse mais incisivo. Aos 23 minutos, Natanael cruzou na área e Éderson cabeceou no contra-pé do goleiro Fábio, Atlético Paranaense 1 a 0. Três minutos depois, Egídio cobrou falta na área, Bruno Rodrigo cabeceou e Weverton fez defesa espetacular.

No final da primeira etapa, aos 35 minutos, Egídio cobrou escanteio e Nilton cabeceou para as redes, 1 a 1. Aos 40, porém, Sueliton cobrou lateral, Éderson cruzou de primeira e após rebote na área, Marcelo chutou, a bola tocou na trave e entrou, Atlético Paranaense 2 a 1.

Furacão perde jogador expulso e Cruzeiro vira a partida

Um lance no início do segundo tempo mudou a história do jogo. Logo no primeiro minuto, Dráusio fez falta em Borges e foi expulso de campo. A partir disso, a Raposa pressionou até o final da partida. Aos 37 minutos, Souza cruzou do lado esquerdo e Marcelo Moreno subiu mais alto para cabecear para as redes, Cruzeiro 3 a 2.

Pela quarta rodada do Brasileirão, o Atlético-PR volta a jogar no próximo sábado (10), contra o Internacional, às 18h30m, no Estádio Beira Rio, em Porto Alegre. O Cruzeiro, por sua vez, faz o clássico com o Atlético-MG no próximo domingo (11), às 16 horas, na Arena Independência, em Belo Horizonte. Antes disso, entretanto, o time celeste faz o jogo de ida das quartas de final da Taça Libertadores da América, nesta quarta-feira (7), às 22 horas (horário de Brasília), diante do San Lorenzo, no Estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires, na Argentina.