Publicado em: terça-feira, 04/02/2014

Atlético de Madrid assume a ponta do Campeonato Espanhol

Atlético de Madrid assume a ponta do Campeonato EspanholA 22ª rodada do Campeonato Espanhol esteve próxima da perfeição para o Atlético de Madrid. A equipe, que estava empatada com o Barcelona e um ponto à frente do Real Madrid na rodada anterior, agora é líder isolada do torneio, graças à vitória por 4 a 0 contra a Real Sociedad, além de tropeços dos principais adversários na disputa pelo título.

Brasileiros

A participação brasileira foi essencial na vitória do Atlético de Madrid. O primeiro gol do jogo, aos 38 minutos da etapa inicial, foi marcado por David Villa, com assistência de Insúa. Este foi o único gol do jogo que não teve participação brasileira.

No segundo tempo, os brasileiros do elenco deram as caras: aos 27 minutos, Diego Costa tocou na saída do goleiro e ampliou a vantagem. Apenas dois minutos depois, o zagueiro Miranda marcou o terceiro gol do Atlético de Madrid, usando sua maior especialidade: a cabeça. Ainda deu tempo para Diego fechar o placar. Esta era a reestreia do meia de 28 anos na equipe. Entre 2011 e 2012, Diego esteve emprestado à equipe madrilenha. Seu retorno em 2014 também foi possível após empréstimo do Wolfsburg, da Alemanha.

Tropeços

Após a goleada do Atlético de Madrid, foi a vez de o Real Madrid entrar em campo contra o Athletic Bilbao. O primeiro gol do jogo aconteceu apenas aos 20 minutos do segundo tempo, após Jese receber passe de Cristiano Ronaldo e colocar os merengues em vantagem. Contudo, oito minutos depois, Ibai empatou para o time da casa, impedindo que o Real Madrid chegasse aos 56 pontos.

Na véspera, o Barcelona deu vexame ao perder em casa para o Valencia. Esta foi a primeira derrota do time catalão em casa no campeonato. O jogo foi marcado por reviravoltas no placar: logo aos sete minutos de jogo, Alexis Sanchez abriu o marcador, dando a impressão de que veríamos mais uma goleada do Barcelona na temporada.

Mas, aos 44 minutos, Parejo empatou o jogo. O Valencia voltou fulminante no segundo tempo e, com apenas três minutos, virou o jogo, com Piatti. Messi ainda empatou a partida aos nove minutos, de pênalti, mas Paco recolocou o Valencia à frente cinco minutos depois. Após a expulsão de Jordi Alba, aos 33 minutos, o Barcelona não conseguiu criar grandes chances de gol.

Liderança

Com uma campanha impressionante, o Atlético de Madrid está cada vez mais próximo de acabar com a hegemonia de Barcelona e Real Madrid no Campeonato Espanhol. Desde a temporada 2003/2004, nenhuma outra equipe conquista o torneio. Na ocasião, o campeão foi o Valencia. Após exatamente uma década, o Atlético pode repetir a façanha.

O Campeonato Espanhol ainda está longe de terminar – ainda restam 16 rodadas. Contudo, o Atlético de Madrid já mostrou que não está no topo por acaso. Ao mesmo tempo, Real Madrid e Barcelona têm se mostrado equipes irregulares, pelo menos se considerarmos os campeonatos dos últimos anos. No próximo sábado, o Atlético enfrenta o Almería, 17º colocado na competição.