Publicado em: sexta-feira, 26/04/2013

Arthur Zanetti recebe aparelhos de ginástica e garante que continua no Brasil

Arthur ZanettiArrumar o colchão, ajustar barras paralelas e levantar o cavalo com alças, essas são algumas ações do cotidianode um ginasta. Porém, essas tarefas nunca tiveram um sabor tão especial para o medalhista de ouro nas argolas nos Jogos Olímpicos de Londres Arthur Zanetti e para outros atletas da cidade de São Caetano do Sul como antes do treino desta quarta-feira (24). Zanetti fez parte do mutirão que montou os equipamentos que tinham acabado de chegar, e que o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) enviou.

Após ameaçar defender outro país se a estrutura de treinamento não fosse melhorada, Zanetti agora vai ter o que tem o que necessita para que continuea competir em alto nível e e garante que vai ficar no país. Ele afirmou que essa informação fez com que ele ficasse bastante felize que o objetivo dele sempre foi continuar no país e agora Zanetti confirma que irá ficar no país.

A aparelhagem modesta no ginásio do São Caetano ganhou os holofotes nos últimosmeses, após diversos relatos que o ginasta havia feito lamentando as péssimas condições que os equipamentos se encontravam, e que não melhoraramdepois do ouro nos Jogos de Londres, no ano passado. O COB, porém, disse que já estava conversando junto ao técnico Marcos Gotodo ginasta, para que os novos aparelhos fossem enviados.

Esta promessafoi cumprida nesta quarta (24) e o São Caetano pode receber um aparelho de barras paralelas, um trampolim, um cavalo com alças, oito aparelhos de musculação além de um set de 17 colchões para as argolas, o cavalo e as paralelas. Os equipamentos que forem entregues era pertencentes ao centro de treinamento de ginástica do COB, que estava no Velódromo do Rio de Janeiro e que foi desativado para que a arena fosse demolida. Um novo centro vai ser construído na cidade de São Bernardo do Campo e um Velódromo novo vai ser feito no Rio de Janeiro para a realização de provas de ciclismo na pista para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no ano de 2016.