Publicado em: quarta-feira, 18/07/2012

Aprovado remédio contra obesidade nos EUA

Nesta terça-feira (17), a Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) deu autorização para que comece as vendas do medicamento Qnexa, remédio contra obesidade, desenvolvido pelo laboratório norte-americano Vivus. De acordo com a diretora do Centro que faz a avaliação dos medicamentos, Janet Woodcook, se for utilizado de maneira responsável e combinado com uma vida saudável, com exercícios e dieta com baixas calorias, o Qnexa ajudará na obesidade.

A venda do medicamento foi aprovada para aqueles que tenham índice de massa corporal igual a 30 ao superior a isso. Também poderão comprar o Qnexa pessoas que tenham sobrepeso, colesterol elevado, diabetes e pressão arterial alta. Aproximadamente 3.7000 pessoas foram submetidas a testes durante o período de um ano.

Resultado dos testes

Os resultados mostraram que ao receberem doses maiores do remédio, ocorreu uma diminuição de peso de 6,7% a 8,9% se comparado aqueles que tomaram placebo. De acordo com a FDA, todas as pessoas mudaram seus estilos de vida, com exercícios físicos regulares e dieta balanceada além da medicação. O Qnexa é composto por topiramato e pentarmina, drogas indicadas para prevenir convulsões e perder calorias.

A Agência afirmou que o medicamento não deve ser usado em mulheres grávidas porque poderá prejudicar o feto. No ano passado, a FDA permitiu a venda de Belviq, desenvolvido pelo laboratório Arena Pharmaceuticals. Este foi o primeiro tratamento para combater a obesidade autorizado em 13 anos.