Publicado em: segunda-feira, 15/07/2013

Apple faz investigações de caso fatal por eletrocução com iPhone 5

Apple faz investigações de morte por eletrocução com iPhone 5De acordo com informações disponibilizadas pela agência de notícias Reuters uma aeromoça de nacionalidade chinesa faleceu quando atendeu a uma ligação em seu aparelho telefônico celular, smartphone da companhia Apple, versão iPhone 5, enquanto este estava sofrendo carregamento de sua bateria.

A companhia responsável pela fabricação do smartphone a Apple garantiu que vai investigar profundamente o ocorrido. De acordo com as declarações a jovem moça chinesa, Ma Ailun, de apenas 23 anos de idade faleceu ao tomar um forte choque atendendo a ligação nesta última quinta-feira, dia 11 de julho.

Após receber estas informações provenientes de uma agência de notícias chinesa e da polícia local a Apple anunciou em mensagem que tem ciência do caso citado na China e por enquanto não fará comentários sobre este incidente com a jovem, somente que se sentem absolutamente tristes e que este é um acidente trágico. A companhia ofereceu suas condolências para a família de Ma Ailun. A Apple se comprometeu ainda em fazer investigações completas e ficar disponível para cooperar com qualquer das autoridades envolvidas para a solução deste assunto.

A irmã da jovem vítima escreveu a respeito do acidente em sua rede social chinesa, que funciona como uma espécie de Twitter, ela diz que sua irmã teria tido um colapso e chegou ao falecimento depois que carregou seu iPhone 5. A irmã de Ma Ailun pediu para que todos aqueles que são usuários tomem muito cuidado com o uso deste smartphone. Esta mensagem acabou se tornando um viral nesta plataforma social da China.

A irmã ainda pede para que a companhia Apple de a família uma explicação. O pai da aeromoça Ma alegou informou que médicos apontaram que encontraram no corpo da moça sinais que diagnosticam eletrocução. A polícia local junto ao seu departamento de investigações confirmaram o falecimento como resultante de descarga elétrica. A questão agora é descobrir com as investigações se foi o aparelho telefônico da Apple que está envolvido na morte o responsável pelo choque ocorrido.

Ma Ai Lun tinha seu casamento com data marcada para o mês de agosto deste ano.