Publicado em: quinta-feira, 26/12/2013

Apple é punida em US$ 670 mil por determinar valores do iPhone em Taiwan

Apple é punida em US$ 670 mil por determinar valores do iPhone em TaiwanA Apple foi penalizada pelo governo de Taiwan em 20 milhões de dólares taiwaneses (US$ 670 mil) e recebeu a determinação de interromper a intromissão nos custos de operadoras de ofícios móveis e distribuidores de telefones, avisou a Comissão de Comércio Justo, nesta última quarta-feira, conforme matéria do “The Wall Street Journal”.

A produtora do iPhone e do iPad pode apelar da deliberação, porém também pode ser acoimada em 50 milhões de dólares taiwaneses se não adotar as reivindicações, falou a bancada.

Segundo com a reportagem do “The Wall Street Journal”, a empresa localizada em Cupertino, na Califórnia (EUA), infringiu o artigo 18 da Lei de Comércio Justo de Taiwan ao definir o valor que necessitaria ser adquirido pelo iPhone adjacente às três capitais operadoras de telefonia do país.

A Apple solicitou a adaptação de valores do smartphone às empresas Chunghwa Telecom, Far Eastone Telecommunication e Taiwan Mobile.

Conforme com a bancada, a companhia não tem permissão de interceder os projetos de cobrança do iPhone depois de comercializar os direitos de repartição do artigo.

A comissão através de nota informou ainda que através da correspondência eletrônica entre a Apple e as três companhias de telecomunicações desvendaram que as corporações contêm seus níveis de valores à Apple para admissão ou sanção antes da vinda dos artigos ao mercado.

A norma se sobrepõe apenas aos iPhones. Não existe projetos de averiguar a intervenção da Apple nos custos dos tablets iPad, avisou a comissão.