Publicado em: sábado, 25/02/2012

Após sentir dores abdominais, Nelson Mandela é internado

O ex-presidente da África do Sul, Nelson Mandela, foi internado neste sábado (25), com dores abdominais. O anúncio da hospitalização do líder foi feita em um comunicado oficial da presidência do país. O anúncio disse que o presidente sul-africano, Jacob Zuma, informou que Nelson Mandela deu entrada no hospital e que está reclamando de dores abdominais há bastante tempo.

O documento diz ainda que os médicos do ex-presidente Mandela consideram que ele precisa de uma “atenção médica especializada”. Nelson Mandela, que está com 93 anos, tem apresentado uma saúde cada vez mais debilitada. No início do ano passado, o símbolo da luta anti-apartheid foi internado por em decorrência de uma infecção respiratória.

Governo pede “bons desejos” ao mundo para Mandela

O comunicado ainda faz alguns apelos para a população sul-africana e também para toda a comunidade mundial. A nota da presidência deseja que Nelson Mandela tenha uma rápida recuperação e transmite o “amor e melhoras de todos os sul-africanos e das pessoas por todo o mundo”. O governo pede que todos respeitem a privacidade do ex-presidente e de sua família durante este difícil período.

Há oito anos, Nelson Mandela se retirou da vida pública, depois de muitos anos em defesa de seu país e dos direitos de seu povo. No mês passado, ele voltou para sua casa em Joanesburgo, após passar um período em sua casa de campo. A última aparição pública do líder sul-africano aconteceu na final da Copa do Mundo de 2010, que foi sediada pela África do Sul.