Publicado em: sexta-feira, 08/07/2011

Após derrota para a Rússia, Bernardinho pensa na semifinal entre Brasil e Argentina

Na manhã desta sexta-feira, dia 8 de julho, a Seleção Brasileira masculina tropeçou diante da Rússia, e perdeu por 3 sets a 0 no seu último confronto dentro da primeira fase da Liga Mundial de vôlei. O jogo aconteceu na cidade de Gdansk, na Polônia, e o Brasil mesmo com o placar adverso (parciais de 25/20, 25/20 e 25/17) avançou às semifinais da competição, em busca da vaga na decisão.

Com a classificação garantida antes mesmo de entrar em quadra, Bernardinho optou por poupar dois de seus melhores atletas, Giba e Murilo. O motivo seria o cansaço acumulado causado pela maratona do torneio e sentida, principalmente, entre os mais experientes do elenco. Giba, por exemplo, atuou nove sets seguidos antes da folga desta sexta. Desfalcado, o Brasil foi presa fácil para os russos. O treinador brasileiro disse estar “gerenciando o condicionamento físico” da equipe.

Com a segunda colocação no Grupo F, o time brasileiro vai encarar a rival sulamericana Argentina, que acabou como líder na chave E. A partida ocorrerá às 15h deste sábado, e o vencedor garante vaga na grande final de domingo.

Ainda contra a Rússia, o Brasil se viu atrás do placar mais uma vez na competição depois do primeiro set. No segundo, a equipe de Vissotto cresceu e abriu vantagem. Porém, em poucos minutos os russos viraram. Bernardinho seguia tentando fazer seu time acordar em quadra, mas pouco funcionou. Ao final da partida e após discussão entre os técnicos, a Rússia vibrava a cada ponto conquistado.