Publicado em: terça-feira, 25/03/2014

Aplicativos de leitura dinâmica chegam a dispositivos

Aplicativos de leitura dinâmica chegam a dispositivosA leitura dinâmica é uma prática antiga, mas, com o avanço da tecnologia, promete se tornar muito mais popular nos próximos anos. A técnica, aliada a novos aplicativos, promete a leitura de textos de maneira muito mais rápida, sem prejuízo da compreensão. Em média, os desenvolvedores defendem que, com estes sistemas, é possível ler textos com uma velocidade até quatro vezes maior.

Novidades

No último mês, a empresa norte-americana Spritz se tornou destaque na imprensa internacional após apresentar um software que promete a leitura de livros em alguns minutos. A técnica apresentada consiste em mostrar as palavras em uma sequência muito rápida, mas na mesma posição. Com isso, dizem os desenvolvedores, é possível evitar a movimentação dos olhos, além da “vocalização mental” (quando “falamos” os textos para nós mesmos, mentalmente), o que tornaria a leitura muito mais rápida.

Esta técnica é conhecida como RSVP, sigla em inglês para “apresentação visual rápida e em série”. Embora não seja uma novidade, a Spritz fez adaptações que permitem que a RSVP possa ser utilizada em dispositivos que têm telas pequenas, algo até então impraticável.

Proposta

Segundo Frank Waldman, fundador da Spritz, a utilização da RSVP em pequenos dispositivos também facilita a vida na hora do manuseio. De acordo com o executivo será possível, por exemplo, ler e-mails através de relógios inteligentes, enquanto nos deslocamos entre um lugar e outro.

A proposta de leitura dinâmica de longos textos tem causado também alguma polêmica. Isso porque, no caso específico dos livros (especialmente aqueles que lemos por hobby, não por obrigação), a leitura é considerada uma experiência sensorial, não apenas uma maneira de assimilar informação. Por isso, o próprio Waldman defende que os novos aplicativos de leitura dinâmica devem ser utilizados para acelerar tarefas rotineiras, como a leitura de e-mails de trabalho. Assim, teríamos mais tempo para outras atividades, incluindo a leitura calma de um livro.

Dispositivos

A Samsung já anunciou que utilizará a tecnologia da Spritz em dois de seus dispositivos: o relógio inteligente Gear 2 e o smartphone Galaxy S5. Os usuários de dispositivos da Apple já podem utilizar o Velocity, para iPhone, que também utiliza a técnica RSVP.

Funcionamento da técnica

Segundo Juarez Angelo Lopes, professor de leitura dinâmica, os softwares se utilizam de uma técnica muito similar àquela que ele ensina para seus alunos. Contudo, no caso da leitura dinâmica “analógica”, é necessário algum guia físico, como um lápis ou a própria mão.

O escriturário de cartório Pedro Sant’Anna, que alega ler mil palavras por minuto (valor considerado uma espécie de limite físico), testou os aplicativos e confirmou a eficiência da técnica. Para ele, além da absorção de informação ser parecida, há um conforto maior ao se ler desta maneira em dispositivos eletrônicos.

Keith Rayner, professor de psicologia da Universidade da Califórnia, também defende a utilização destes aplicativos. Contudo, ele defende que os livros continuem a ser lidos da maneira tradicional, pois esta técnica de leitura dinâmica é limitada quando tratamos de textos mais longos.